Quer me mandar uma mensagem? | contato@educadordesucesso.com.br

Processo de adaptação/inserção: educadores, crianças e pais constroem vínculos que facilitam as despedidas

//Processo de adaptação/inserção: educadores, crianças e pais constroem vínculos que facilitam as despedidas

Processo de adaptação/inserção: educadores, crianças e pais constroem vínculos que facilitam as despedidas

Quando o educador passa pelo processo de troca de turma de crianças na creche ocorre a despedida da turma do ano anterior e o encontro e vínculo com a nova turma. Nesse processo surgem diversas reações e sentimentos que precisam ser trabalhados, pois interferem na relação de apego que a criança e sua família estabelecem com o atual educador.

Surge, então, a necessidade de se prever no planejamento algumas ações a serem realizadas durante o processo de inserção das crianças.

Propostas de ações para o início do ano:

Os educadores do ano anterior podem se reunir com os educadores que vão ficar com a turma para trocarem informações sobre o desenvolvimento das crianças através das anotações contidas nos registros realizados anteriormente.

Desta forma é possível ao novo educador ter acesso as particularidades da história da criança em seu desenvolvimento.

Esse exercício poderá auxiliar no relacionamento do educador com a criança e sua família.

Os educadores podem combinar como irão organizar a participação do educador do ano anterior na recepção e acolhimento das crianças e seus pais, visto que educadores, crianças e pais construíram relações de confiança através do vínculo e do apego e isso faz uma grande diferença no processo de inserção destas crianças no novo ano.

Espera-se que a parceria dos educadores nesta tarefa traga segurança aos pais e às crianças para facilitar no processo de criação de novos vínculos nesta nova etapa.

Acredita-se que esta experiência dê às crianças a oportunidade de expressar e elaborar seus sentimentos de perda, ciúmes e alegria pelo novo.

Neste período os educadores discutem também sobre as novas rotinas e a organização dos espaços.

Tudo isso é pensado para que se construa vínculos importantes para o desenvolvimento da criança e que ela e sua família se sintam acolhidas e bem vindas por todos na creche.

By | 2016-02-02T11:54:01+00:00 fevereiro 2nd, 2016|Dicas|0 Comments

About the Author:

Educadora graduada em Pedagogia e Serviço Social e pós-graduada em Educação Infantil com larga experiência na área de educação em seus vários ramos.

Leave A Comment